Como Economizar Energia Elétrica? A dica de ouro | Copagaz
Blog Copagaz
2 de junho de 2022
Comentários (0)

Como economizar energia elétrica: a dica de ouro

Pai dando banho na sua filha com o chuveiro a gás, economizando mais energia do que o chuveiro elétrico
3 minutos para ler

Entre o principal cuidado para economizar energia elétrica está a escolha dos equipamentos corretos. Optar por equipamentos a gás pode trazer uma economia maior no fim do mês.

Principalmente quando as temperaturas caem, as contas de energia elétrica podem ser cada vez mais altas. Para evitar essas contas de valor elevado, precisamos manter nossas casas com a maior eficiência energética possível. Encontrar maneiras de economizar energia e reduzir nossos custos pode ser um desafio, então por onde começamos?

O que gasta mais energia?

Aqui está um detalhamento das maiores categorias de uso de energia em uma casa típica:

  • Ar-condicionado e aquecimento: 46% 
  • Aquecimento de água: 14%
  • Eletrodomésticos: 13%
  • Iluminação: 9%
  • Equipamentos de TV e mídia: 4%

💡 Para saber o gasto com a eletricidade exato na sua casa, veja como calcular o consumo de energia.

Fogão elétrico

Fogão elétrico e fogão por indução gastam muita energia. Em comparação com seus equivalentes elétricos, os fogões a gás também são mais duráveis e, no longo prazo, mais econômicos. 

Entre microondas e fogão a gás, o fogão também é mais econômico, além 

Qual é o consumo de energia de um fogão ou forno elétrico?

Com 2.500 watts para um forno e 1.500 para um fogão em fogo médio-alto, usá-los por uma hora por dia resulta em 75 kWh e 45 kWh por mês, respectivamente. Já com o gás, considerando um fogão comum de 4 bocas, o gasto médio por hora em fogo médio é de 0,225kg/h.

Esses aparelhos, principalmente alguns tipos de fornos, também podem deixar sua casa mais quente e aumentar a carga do ar-condicionado. Assim, preferidos por chefs profissionais, os fogões a gás permitem um melhor controle quando comparado ao cooktop por indução, permitindo mudanças instantâneas no calor. 

Ar-condicionado e aquecedor elétrico

Como sua principal fonte de conforto contra temperaturas externas extremas, seu sistema usa a maior quantidade de energia, sendo 46% do consumo médio de energia de uma casa. 

É um fator que você deve levar em consideração ao decidir sobre o aquecedor elétrico versus aquecedor a gás. O aquecedor a gás tem melhor custo, eficácia, durabilidade e muito mais. 

Geralmente, o custo de um aquecedor elétrico é menor que o custo de um aquecedor a gás. No entanto, embora seu investimento inicial seja menor no momento da compra, o custo de operação do aquecedor elétrico será maior a longo prazo. Outro argumento em favor do aquecedor a gás é que ele geralmente é mais silencioso e durável.

Aquecimento de água

Como outro aparelho usado com frequência, seu aquecedor de água vem em segundo lugar, com 14% do uso de energia da sua casa. Esse uso é feito, principalmente, em seu chuveiro, e em alguns casos, nas torneiras de pias. 

Sabia que o uso do chuveiro elétrico representa, em média, 1/4 dos gastos com energia nas residências brasileiras?

Ao substituir a opção de aquecimento elétrico pelo aquecedor a gás, a água fria entra no tanque e é aquecida por um queimador de gás. À medida que a água aquece, ela sobe para o topo do tanque e é conduzida através de um tubo de descarga para suas torneiras ou chuveiros, conforme necessário.

Os aquecedores de água a gás funcionam mais rápido, proporcionando também um maior conforto para tomar aquele banho relaxante depois de um dia  inteiro de trabalho. Eles alteram a temperatura muito mais rapidamente do que os modelos elétricos, o que diminui o desconforto de um banho com temperatura mal ajustada,  deixando muito quente ou muito frio, dessa forma você pode regular o aquecedor a gás na temperatura que você mais gosta pra relaxar.

O chuveiro a gás é muito eficiente e eficaz, e vale ressaltar que o gás tende a ser muito mais barato que a eletricidade. Para poupar ainda mais, veja como economizar gás.

Lavadoras e secadoras

As lavadoras e secadoras consomem cerca de 5% do total de energia gasto na sua casa e podem usar cerca de 3.045 watts cumulativamente. Uma secadora a gás compensa o preço inicial mais alto em cerca de um ano de uso, dependendo da frequência com que está sendo usada. 

A secadora a gás aquece mais rapidamente do que uma secadora elétrica, graças à eficiência da combustão mencionada anteriormente. Elas são mais eficientes e custam menos por secagem realizada. Com ciclos de secagem mais rápidos, você também poderá executar mais cargas em menos tempo.